Contra mal olhado eu carrego o meu patua…

Muitas noivas gostam de levar junto consigo ao altar um patua…rs rs rs Seja um raminho de arruda , uma pimentinha no meio do Buquet , um santinho da familia….Eu não acredito em nada disso mas , na duvida né?! rs rs rs Eu sou bastante cética quanto esse assunto , primeiro por ser cristã e segundo pq se funcionasse Adriane GaGalisteu teria tido sucesso no seu casorio com Roberto “O Justus”…Lembram que ela entrou na igreja usando um ramo de arruda como Buquet???? Ai ai ai ….E vocês já pensaram nisso????Vão fazer algum patua para levar com vocês????E se vc não for levar patuá nenhum conta se vai escrever o nome das solteiras no vestido , conta o que vc vai fazer de diferente….

 

A foto da Dri tá um horror mas não achei nenhuma com melhor qualidade …Desculpem

10 Comentários

Arquivado em Uncategorized

10 Respostas para “Contra mal olhado eu carrego o meu patua…

  1. Tb não creio em bruxas….pero que las ha, las hay
    não é assim?
    Então, eu vou seguir uma tradição americana e uma brasileira:. Dos states, vou usar uma peça azul (garter), uma nova (várias, ne), uma usada (ainda não sei o que) e uma emprestada (minha amiga joana vai me emprestar uma joaninha da coleção ela e vou prender dentro do vestido).
    E do Brasil, meus pais vao trazer da casa deles (no interior) ovos de galinhas para oferecer a santa clara e assim garantir sol =o)
    beijos,

  2. Então, Jess… Eu não acredito nessas coisas também.
    Não usei nada de diferente assim e cá pra nós, a Galisteu parece que casou de camisola…
    A única coisa que fiz mas por brincadeira foi prender os nomes das solteiras no vestido.

    Bjs.

  3. Rúbia

    oi Jess!
    também não acredito em superstições.
    sou cristã e o que vou levar no dia do casamento e para todos os dias que seguirão está escrito em 1Cor 13.4-7
    Segue para meditação:
    “O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não se vangloria, não se ensoberbece, não se porta inconvenientemente, não busca os seus próprios interesses, não se irrita, não suspeita mal; não se regozija com a injustiça, mas se regozija com a verdade; tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta”.

    Beijinhos.

  4. Pois é… tem umas lendas de casamento que eu vou te contar, viu !!!

    Dá uma passada no meu blogger

    http://luadois.blogspot.com para conferir!!

    bjos

  5. Adriana

    Nunca pensei em levar patuá, mas acho bem interessante quem leva junto ao buquê um broche da família ou algum santinho pra quem é devoto.

  6. Lua Simões

    O meu maior patuá é CRISTO JESUS… Ele é o meu protetor, meu refúgio e libertador, e com toda certeza Ele estará comigo no dia mais importante da minha vida.

  7. Bruna Hage

    Quando uma das minhas melhores amigas casou, entrou na igreja com um santo Antônio escondido dentro do vestido, um pequenino que carregava sempre com ela… Tínhamos combinado que depois da cerimônia, ela me daria (ou melhor, eu pegaria de dentro do vestido dela… falaram que era melhor assim.) Feito o combinado, noivei seis meses depois.
    A tradição do santinho continua, uma outra amiga minha fez o mesmo procedimento no meu casamento, pegou o dito santinho de dentro do meu vestido…Acho que está no mesmo caminho (rumo ao altar). Não sei se é o santo, mas a brincadeira está funcionando.
    E todas entramos com o nome das solteiras na barra do vestido, o que também está dando sorte!!

  8. Nadyr

    Olá! Sempre venho “bisbilhotar” seu espaço e hoje quand li seu post me deu vontade de comentar… eu casei no ano passado e minha mãe sempre teve mania de figa, desde quando eramos crianças ela prendia uma figuinha na fralda ou na roupinha… enfim, no dia do casamento não foi diferente, ela colocou uma fiquinha em um alfinetinho de ouro e prendeu por dentro do meu vestido! rsrsrs… se dá certo não sei, mas quando mãe fala é melhor obedecer, né?!

  9. Oi Jess,

    Eu sou cristão também, então não vou usar nada superticioso.
    Vou colocar o nome de minhas amigas soletiras na barra do vestido, mas pela brincadeira do que por qualquer coisa.
    Agora algo de diferente que vou fazer é, vou levar a foto do meu pai no meu buquê.
    Copiei a idéia de uma noivinha no blog da Fê Florte, que você deve conhecer.
    Achei lindo, pq perdi meu pai no ano passado e levando a foto dele, é uma forma dele entrar comigo de alguma maneira.

    Bjus

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s